Publicado por: PJ Diocese de Piracicaba | julho 27, 2011

Vem ai a 1ª Conferencia Livre Estadual da PJ

“Senhor fazei-me instrumento de vossa paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida que eu leve a fé.” (Oração de São Francisco)

Pjoteiros e Pjoteiras do Regional Sul 1.

Saudações juvenis!

Aproxima-se o momento de nos encontrarmos na 17ª Romaria da Pastoral da
Juventude do Regional Sul 1 que acontecerá na cidade de Araras, Diocese de Limeira, Sub-região Campinas. Rostos, culturas, sorrisos, que trazem consigo as realidades, questionamentos, medos e sonhos de várias juventudes do Estado de São Paulo.

Desde 2009, nós da Pastoral da Juventude estamos em marcha Contra o Extermínio de Jovens. Nossa campanha é uma ação articulada com diversas
organizações, que visa levar à sociedade o debate sobre as formas de violência contra a juventude, especialmente o extermínio de milhares de jovens no Brasil e no mundo.

Quando olhamos para a realidade de nosso estado, ficamos abismados. Como dito na Carta Manifesto do 2º ERPJ, hoje a violência contra jovens em São Paulo já caracteriza o extermínio de uma geração. Em números absolutos de homicídios, hoje estamos no estado que mais se mata a juventude: somos o primeiro colocado no ranking nacional (2.467 mortes de jovens a cada 100 mil). A invisibilidade social seja pela indiferença ou pelos estigmas atribuídos aos/às jovens empobrecidos/as, sobretudo negros/as, tem gerado ações concretas de violência e morte. Certamente esta posição pouco nos alegra, ou nos orgulha, e nos mostra que é preciso continuar gritando contra a violência e o extermínio da Juventude, contra as estruturas que organizam a exclusão do/a jovem na sociedade e não garantem direitos juvenis, contra as mentiras e injustiças que fundamentam as propostas de redução da idade penal.

Neste contexto de exclusão, violência e de ineficácia do Poder Público para desenvolver políticas públicas de juventude que vejam os jovens como cidadãos com direitos e atores estratégicos no desenvolvimento do estado e do país, encontramos na 2ª
Conferência Nacional de Juventude o espaço oportuno para, juntos a outras juventudes e movimentos de juventudes de todo o Brasil, marcharmos, gritarmos, girando o mundo para dizer: “Chega de violência e extermínio de Jovens”, como nos pediu o Padre Gisley.

Em 2008, a 1ª Conferência Nacional de Juventude, que teve como lema “Levante Sua Bandeira”, mobilizou mais de 400 mil pessoas em todo o país e aprovou um conjunto de 70 resoluções e 22 prioridades que devem nortear as ações para a juventude em nível federal, estadual e municipal. A Conferência estimulou a discussão da temática juvenil no âmbito do Poder Público e também da sociedade civil. Agora, nos preparamos para a 2ª Conferência Nacional de Juventude, que acontecerá em dezembro deste ano em Brasília com o lema “Conquistar direitos, desenvolver o Brasil” e será o momento de afirmar nosso direito de participar como sujeito estratégico do projeto de desenvolvimento nacional.

Nesta nova conferência, podemos definir quais são os direitos das juventudes, quais as políticas e programas prioritários para garanti-los, além de apontar mecanismos de participação, assegurando o desenvolvimento do maior número possível de jovens,
respeitando, sobretudo, a pluralidade. Pensando em inserir a juventude da Pastoral da Juventude do Regional Sul 1 neste
debate propício para fazer ecoar nosso grito a nível municipal, estadual e nacional, o Grupo de Trabalho do Projeto “ A Juventude quer viver…”, convida você e seu grupo para participar da Conferência Livre da Pastoral da Juventude que será realizada na cidade
de Araras, no dia 06 de agosto, às 16h00 (véspera da Romaria). Convidamos você a chegar um dia antes em Araras e, junto conosco, vivenciar este momento de formação, reflexão e celebração em defesa da vida da juventude. Nossa reflexão e debate serão
orientados pela Carta Manifesto do 2º ERPJ (Encontro Regional da Pastoral da Juventude) e pelo Texto Base da 2ª Conferência Nacional de Juventude, em especial os eixos 3 e 4.

Na certeza de, a exemplo de Timóteo (2 Tm 4,7) estarmos combatendo o bom combate e lutando como Ester (Ester 7,3) pela vida de nosso povo, esperamos você e seu grupo em Araras para juntos gritarmos “A Juventude quer viver! Chega de Violência e
Extermínio de Jovens”.

(fonte: Grupo de Trabalho “A Juventude quer viver…” Regional Sul 1 [Estado de SP])

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: